/** PIXELS **/ /** PIXELS **/ Tonin Super | Tonin Interativo - A importância de manter os cuidados com a saúde mental

Tonin Interativo

A importância de manter os cuidados com a saúde mental
date_range 23/06/2020 | Por: Tonin | Tag: Dicas

A importância de manter os cuidados com a saúde mental

O tema Saúde Mental já vinha sendo abordado amplamente, não só nas áreas médicas, mas em diversos círculos, buscando uma melhora na qualidade de vida das pessoas em seus ambientes de atuação, seja nos estudos, trabalho, família e relacionamentos. Com a mudança do cenário, a chegada do novo coronavírus e com ela as recomendações para o isolamento social, esse tema se ampliou e precisa de ainda mais atenção e visibilidade. 

O que já era um problema restrito a certos perfis de pessoas agora pode ser de qualquer um, muito pela adversidade gerada pelo momento. Por isso é preciso entender as oscilações mentais para buscar alternativas que possam melhorar as emoções, evitando que essa instabilidade possa evoluir para quadros mais graves. 

De acordo com a psicóloga e facilitadora sistêmica Mônica S. Santos, a saúde mental foi considerada o segundo tema de maior relevância na pandemia e, após, ela acredita que será o primeiro. “Sem saúde mental não existe condição de sustentar se na vida e resolver as questões que fazem parte dela. Além disso, seu oposto, ou seja, a doença mental provoca sofrimento e prejuízos para a própria pessoa e para as suas relações”, explica. 

Para a especialista, uma vez que a vida é feita de relacionamentos, a saúde mental é simplesmente essencial para sobreviver. “O primeiro relacionamento é consigo mesmo! Cuidar e fortalecer a saúde mental tem a ver com ampliar a consciência de si, a capacidade de lidar com as emoções e se relacionar de forma saudável. E isto implica em cuidar das feridas do passado, criar crenças positivas do futuro e principalmente: ficar presente. Viver o aqui e agora, com consciência e poder de escolha”. 

Mônica ainda aponta que a melhor forma de cuidar da saúde emocional é pelo autoconhecimento e desenvolvimento pessoal, que pode ser individual e em grupo. Dentro ou fora de casa ou da empresa. “Esta é uma jornada de evolução que precisa estar desacelerado, centrado e consciente”, reforça. 

A principal forma de ajudar e cuidar de outras pessoas que passam por situações emocionalmente complicadas e se manter com a saúde mental em ordem é oferecer ao outro atenção e apoio. “Hoje é quase um luxo ou raridade encontrar pessoas saudáveis, equilibradas e maduras. A maioria está em sofrimento e perpetuando doenças mentais provenientes do próprio sistema familiar. O melhor que podemos oferecer ao outro é o nosso melhor. Depois do exemplo e desta postura sadia que traz confiança, a ajuda pode ser uma escuta empática e o encaminhamento, se o outro quiser, para um profissional especializado”, finaliza.

Compartilhe



Disponível no Google Play Disponível na APP Store